29/06/16




Jesus Sangalo, ex-empresário da irmã, atualmente trabalha vendendo cosméticos

Jesus Sangalo, irmão e ex-empresário de Ivete Sangalo afastado da carreira da cantora após suposto desvio de dinheiro, falou pela primeira vez sobre a briga com a cantora.

Ele se defendeu das acusações e revelou que não mantém nenhum tipo de contato com a irmã famosa desde o ocorrido, em 2011.
"Se qualquer pessoa entrar na web, vai encontrar que eu dei um desfalque de alguns milhões de reais na empresa que eu era o presidente. E eu não dei. Isto me prejudicou absurdamente. Não só profissionalmente, como psicologicamente. Foi terrível pra mim. Terrível!", disse em entrevista ao "Câmera Record”.
Jesus atualmente trabalha fazendo palestras nas quais vende cosméticos e reclama que a irmã não o defendeu. "Existe um poder no microfone que é muito legal para sanar e acabar com dúvidas. Talvez este poder não tenha sido usado", disparou. "Eu não estava me afastando de qualquer um. Eu estava me afastando da maior estrela do país, que ajudei a chegar onde estava", continuou o ex-empresário, que, há anos sem contato com Ivete, é categórico ao responder se sente falta da irmã: "Não".

Jesus era presidente da Caco de Telha, empresa que gerencia a carreira de Ivete, e foi afastado pela cantora após suspeitas de desvio de dinheiro, o que foi negado por ela em entrevista à revista "Veja": "Ele nunca fez isso. Não fez nada disso. Começamos a discordar sobre o modo de tocar os negócios e, quando você trabalha com alguém por quinze anos, essas divergências se tornam pesadas a ponto de um não querer ouvir a opinião do outro", disse a artista, na época. "Decidi cuidar eu mesma dos meus negócios. Apenas isso", finalizou a cantora.
fonte: purepeople
0

0 comentários:

Postar um comentário

 
COPYRIGHT (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - CANTINHO DAS IDEIAS
DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO POR SARA SILVA