01/06/16





Nunca tome uma pílula anticoncepcional sem indicação médica, apenas porque recebeu conselhos de alguma amiga ou familiar. Nem todas as mulheres podem fazer uso do medicamento, que possui contraindicações que só um especialista pode avaliar, além de ser importante conhecer qual a melhor marca para sua saúde.

Variar muito os horários de tomar o anticoncepcional também pode diminuir sua eficácia. Estabeleça sempre um período único para fazer uso do medicamento.
Interromper a cartela do contraceptivo antes do indicado ou prolongar por meio período sem recomendação médica não é indicado e pode fazer com que o remédio perca seu poder de proteger contra uma gravidez indesejada.
Nem todas as mulheres sabem, mas a obesidade é um fator que compromete a eficácia da pílula. Quem está acima do peso tem mais chances de sofrer com problemas relacionados à combinação, como a trombose. O sedentarismo também pode fazer com que o medicamento seja menos eficaz.
A ingestão de bebida alcóolica em excesso pode, em alguns casos, inibir a ação da pílula anticoncepcional e deixar a mulher menos protegida.
Tomar antibióticos sem acompanhamento médico, além de ser arriscado para a saúde, pode interferir na eficácia da pílula anticoncepcional. Sempre que precisar tomar esse tipo de remédio, informe seu ginecologista.
Tomar pílula do dia seguinte junto com anticoncepcional não é indicado por causar excesso de hormônio no corpo. Combinar os dois medicamentos pode causar grande carga de hormônios em seu organismo e desregular completamente seu ciclo.
.bolsademulher.com

0

0 comentários:

Postar um comentário

 
COPYRIGHT (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - CANTINHO DAS IDEIAS
DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO POR SARA SILVA