02/02/16



Monique Evans foi convidada do "Programa Xuxa Meneghel", exibido nesta segunda-feira (1) - e sem previsão de voltar a ser ao vivo - e falou sobre a Síndrome de Borderline, doença que sofre desde a adolescência, mas descoberta apenas em 2013, quando tentou se matar. Em conversa com Xuxa, a ex-modelo lembrou como foi diagnosticada com o problema.
"Meus filhos tinham se mudado para o Rio de Janeiro e eu fiquei muito mal morando sozinha em São Paulo. As pessoas achavam que era depressão, até que ficaram de saco cheio disso, a ponto de eu pedir socorro no Facebook, porque até minha família me ignorava", comentou Monique. "Foi nesse dia (quando escreveu na rede social) que tentei me matar, aí fui internada e descobri que tinha Borderline."
A apresentadora questionou Monique se ela nunca tinha percebido os sintomas do transtorno. "Eu era muito tímida. Batia com a cabeça na parede, enfim, não eram coisas normais. Tentei me matar várias vezes", revelou na TV. Xuxa relembrou a época em que se conheceram quando eram modelo e falou sobre a personalidade polêmica e extrovertida de Monique. "Era um personagem. Todo mundo adorava esse personagem. Porque, na verdade, eu era superfraca e insegura", admitiu a artista.
Xuxa Meneghel comentou o fato de Monique já ter declarado ficar chateada com a filha por ela não demonstrar muito sentimento. Monique recebeu em troca uma linda declaração de amor publicamente.

"Eu tenho muito orgulho da mãe batalhadora que você é, enfrentou tudo de peito aberto, não importando o que tivesse na sua frente. E se hoje eu sou uma pessoa batalhadora, que enfrenta os meus medos, foi porque aprendi com você. Te amo muito", se derreteu a modelo

fonte: pure people
0

0 comentários:

Postar um comentário

 
COPYRIGHT (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - CANTINHO DAS IDEIAS
DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO POR SARA SILVA