10/09/15

Além de prejudicar seus pulmões e a saúde em geral, o cigarro pode provocar graves problemas na tireoide, sendo que o tratamento se torna mais complicado por culpa deste hábito.






A tireoide é uma glândula em forma de borboleta que, ainda que muitos se esqueçam de que existe, cumpre um papel muito importante na saúde por ser a responsável por produzir hormônios para regular os processos metabólicos do corpo.

A função da tireoide influencia na regulação da temperatura corporal, o ritmo em que trabalha o coração, o estado de ânimo e a taxa metabólica, que é a que determina a que velocidade com que uma pessoa queima as calorias que consome.
De forma resumida, o bom funcionamento desta glândula está relacionado de forma ampla à saúde em geral. Portanto, qualquer alteração em seu funcionamento pode causar um desequilíbrio hormonal que pode levar ao desenvolvimento de diferentes doenças e transtornos.


Quais são os problemas mais comuns da tireoide?

Os problemas da tireoide são 8 vezes mais comuns em mulheres do que nos homens, e o fator de risco aumenta com a chegada da etapa da menopausa.
Os principais transtornos da tireoide são:

Hipotireoidismo: ocorre quando a glândula da tireoide não produz hormônios suficientes. Isso causa um desequilíbrio no corpo que pode gerar os seguintes sintomas:

·         Fadiga e depressão
·         Sensação de frio
·         Dor muscular
·         Pensamento lento ou dificuldade para se concentrar
·         Problemas digestivos e prisão de ventre
·         Ciclos menstruais mais intensos e longos
·         Aumento de peso repentino
·         Pele, cabelo e unhas secas e quebradiças



Hipertireoidismo: este é um caso contrário ao anterior. Ocorre quando se produz uma quantidade excessiva de hormônios da tireoide. Causa os seguintes sintomas:

·         Tremores, nervosismo, irritabilidade
·         Sensação de calor
·         Ritmo cardíaco acelerado e irregular
·         Fraqueza muscular e fadiga
·         Evacuações mais frequentes
·         Ciclos menstruais menos intensos
·         Perda de peso repentina
·         Queda de cabelo
·         Olhos saltados


Quais são os hábitos que podem causar alterações na tireoide?

Os problemas da tireoide se devem principalmente a transtornos autoimunes, genética e ao uso de alguns medicamentos.
Vários estudos puderam determinar que há uma relação entre a prática de alguns hábitos e o risco de sofrer com problemas de tireoide. Isso, por sua vez, afeta de forma direta o metabolismo do corpo e a saúde em geral.

Sedentarismo

Devido ao estilo de vida moderno, muitas pessoas caíram no sedentarismo e colocaram a sua saúde em risco. A falta de atividade física diária pode levar a uma alteração da tireoide, como é o caso do hipotireoidismo.

A solução?

Dedicar pelo menos 30 minutos diários ao exercício e evitar permanecer por muito tempo sentado ou deitado.

Consumo excessivo de cafeína

Muitas pessoas não começam o seu dia sem tomar uma xícara de café, mas o que todo especialista em saúde recomenda é não consumir, quantidades exageradas deste ou de qualquer outro alimento que contenha cafeína, já que isso pode causar alterações no organismo como, por exemplo, os problemas na tireoide.

A solução?

Evitar o consumo excessivo de café e optar por beber mais água e sucos naturais.


Alcoolismo

Beber álcool em excesso altera a função da tireoide e pode causar transtornos como o hipotireoidismo.

A solução?

Evitar este tipo de bebida ou, no caso de consumi-las, fazê-lo com moderação.

Tabagismo

O cigarro e a sua fumaça contêm substâncias tóxicas, como o tiocianato, que pode causar problemas graves na tireoide, em especial naquelas pessoas que possuem algum fator de risco.
O mais preocupante é que as pessoas que têm o hábito de fumar têm mais dificuldade para controlar os problemas da tireoide em comparação com aquelas que não fumam.

A solução?

O fumante deve fazer todo o possível para deixar este hábito para melhorar a sua qualidade de vida e controlar o problema. Além disso, quem não fuma deve evitar ficar perto das pessoas que o fazem.


Deficiência de iodo

A deficiência de iodo é uma das causas principais dos problemas da tireoide, especialmente no caso do hipotireoidismo. Este elemento é necessário para que a glândula produza hormônios da tireoide e trabalhe de maneira adequada.

A solução?

Aumentar o consumo de iodo com uma dieta que inclua alimentos como:
·         Sal marinho
·         Peixes e mariscos
·         Feijões brancos
·         Algas marinhas
·         Alho e cebola
·         Laticínios como o iogurte, o leite e o queijo

Estresse

O sistema endócrino é sensível ao estresse físico e emocional e, quando estes são muito intensos, podem causar alterações na tireoide.

A solução?

Aprender a controlar as situações estressantes através da prática de alguma técnica de relaxamento ou da realização de alguma atividade física que gere prazer.


fonte: melhorcomsaude.com


0

0 comentários:

Postar um comentário

 
COPYRIGHT (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - CANTINHO DAS IDEIAS
DESIGN POR SUSAN SANTOS | PROGRAMAÇÃO POR SARA SILVA